CONTEMPLAÇÃO DA ENCARNAÇÃO

A fé cristã confessa que o Verbo eterno de Deus entrou nos limites do espaço e do tempo assumindo a vida humana para fazer-nos participantes de sua vida divina. Desceu a nós e abriu nossos horizontes, para ser como ele, pura misericórdia e amor.

Armou sua tenda no meio de nossas tendas! Deus tornou-se visível sobre a terra e conversou com os homens (Br 3,38). A Encarnação, fazer-se humano, é o artigo cristológico fundamental da fé cristã e que a razão gnóstica (conhecimento!) e doceta (espiritualista!) não aceitam facilmente. A carne humana é sagrada!  Maria acolheu a “Vida” em nome de todos e em benefício de todos! (Papa Francisco).

  1. Na presença de Deus. Respire tranquilo e profundamente, pensando que vai se encontrar com o Senhor. Faça devagar o sinal da Cruz, marcando assim o seu corpo.
  2. Faça a Oração preparatória. Que todas as minhas intenções (pensamentos), ações e operações (sentimentos) sejam puramente ordenadas e colocadas a serviço do Senhor.
  3. Peça a graça: Conhecimento interno do Senhor para mais amá-lo e segui-lo…
  4. Leia com fé o texto de Lucas 1, 26-38 e contemple a maravilha da Encarnação do Verbo de Deus. O Messias chega e entra na nossa históriaColoque-se diante desse mistério deixando-se envolver pelo Espírito Santo. Seja dócil e humilde. Esvazie-se de si mesmo. O Verbo Eterno de Deus se faz carne no seio de uma mulher: Maria de Nazaré e, a partir de agora a humanidade entrou definitivamente em Deus. Na Encarnação, Deus se uniu definitivamente à humanidade. 
    • O anjo entrando onde ela estava, disse: Alegre-se, cheia de graça! O Senhor está contigo… Maria, mãe de Jesus, mãe do Messias. Ela acolhe na fé o dom recebido. Deus também nos envia muitos anjos para apontar novos caminhos… Você os acolhe? Consegue perceber a mensagem que eles trazem? Fica com receio e não toma nenhuma atitude positiva por medo ou vergonha?
    • Para Deus nada é impossível É difícil para você ser gratuito? Percebe como Deus supera, muitas vezes, seus limites?
    • Maria disse: Eis a escrava do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra. Obediência e disponibilidade total. Qual é a sua resposta?
  5. Finalize com um colóquio, conforme sentir.
  6. Revisão da oração. Reveja como se sentiu neste breve exercício e anote no seu caderno de vida: data de hoje; versículo ou palavras que mais lhe tocaram; sentimentos experimentados (Consolação? Desolação?…); apelos; dificuldades ou resistências encontradas…
Fonte: Centro de Espiritualidade Inaciana – ITAICI, Vila Kostka