SENHOR TENHA PACIÊNCIA COMIGO…

Sede misericordiosos como o vosso Pai é misericordioso… Só perdoa quem muito errou! Até 70 vezes 7, disse Jesus. Sempre!

Provavelmente, a misericórdia não faz parte do cotidiano da vida, pois somos mais propensos e acostumados a julgar. Não temos paciência conosco nem com os outros. Tenha paciência comigo, pois Deus ainda não terminou sua obra em mim!

Para ser misericordioso são necessárias duas atitudes: Autoconhecimento e consciência de nossa realidade limitada; e amor que se transforma em arrependimento. Não é fácil dizer: Eu errei! Eu pequei!

Às vezes, diante de uma falta grave, justificamo-nos, descarregando a culpa nos outros, tal como fizeram Adão e Eva. Reconhecer o próprio pecado nos faz humildes e verdadeiros. Perdoai-nos assim como nós perdoamos!… Um coração pequeno e egoísta é incapaz de misericórdia. O coração de Deus não tem tamanho!

  1. Coloque-se, pois, na presença de Deus e faça o santo sinal da Cruz.
  2. Faça a Oração Preparatória para que todas as suas intenções (pensamentos), ações e operações (sentimentos) sejam, neste momento, puramente ordenadas e colocadas a serviço e louvor de sua Divina Majestade.
  3. Peça a Deus a graça de perdoar e ser perdoado…
  4. Leia com fé no Evangelho segundo S. Mateus 18, 21-35:
    • Quantas vezes terei de perdoar?
    • Compadecido, o senhor lhe perdoou a sua dívida…
    • Perdoar seu irmão de todo coração…
  5. Finalize sua oração com um colóquio, pedindo o dom do perdão.
  6. A seguir, faça a sua avaliação: Como se sentiu? Apelos sentidos? Dificuldades encontradas?
Fonte: Centro de Espiritualidade Inaciana – ITAICI, Vila Kostka