Agradecer

Mt 13,54-58

No Evangelho de hoje, contemplamos uma Nazaré incrédula dizer: De onde lhe vem essa sabedoria e esses milagres. Precisamos agradecer por reconhecê-lo como Filho de Deus e ser tocado por suas Palavras, por sua sabedoria, e perguntarmo-nos: Quais Palavras do Evangelho nos tocam? – Deus age no meio de nós e intervém em nossas vidas com amor. Escutemos o Evangelho e n’ele encontremos coisas novas para nos assemelharmos a Ele em atitudes e ações.

O povo de Nazaré estranha quando assiste Jesus falando com autoridade na Sinagoga, em parte talvez se explique pela dificuldade que o homem experimenta em reconhecer o extraordinário e o sobrenatural naqueles com quem conviveu familiarmente. Daí o provérbio: ninguém é profeta na sua terra.

Tudo é estranho em Nazaré, surge a inveja: Donde lhe vem esta sabedoria? Quem é este mais que nós? Eles não conheciam o mistério da encarnação de Jesus. A estranheza e a inveja leva-nos a escandalizar-se, a despreza-lo e a não crer n’Ele: veio para o que era Seu, e os Seus não O acolheram (Jo 1,11).