Dispor

Lc 1,26-38: Anúncio do nascimento de Jesus

O anúncio do nascimento provoca em nós o desejo do acolhimento. Acolher, Jesus que vem, se fará homem e habitará no meio de nós. É bonito este dispor de Maria, colocando toda sua existência ao serviço do Senhor. Há um silêncio, um anjo que vem e promove este encontro de Deus com Maria.

Bonita, firme e eficaz a resposta de Maria: “Eis aqui a serva do Senhor: faça-se em mim segundo a tua palavra!”. O novo, agora começa em Maria. Deus é realidade no ventre de Maria. Devemos ser imitadores de Maria, e não ser surdos ao chamado de Deus, deixemos que suas palavras ressoem dentro de nós e no silêncio, pausadamente respondamos ao tríplice questionamento: O que fiz? O que faço? O que farei por Jesus Cristo?

Ter um coração, que seja “sim” para Deus, para sermos bons evangelizadores, atuando na história, na realidade do mundo. Maria, diz “sim”, nos provoca a dizer “sim” na realidade da vida, no hoje da história, para juntos trabalharmos para a maior glória de Deus. Ela conta conosco! Deus conta conosco!